Blog de acompanhamento ao projecto de 3º ano de NTC, no ano lectivo de 2010/2011.
30
Mai 11

Para assegurar um bom funcionamento da aplicação e uma experiência agradável por parte do utilizador é necessário realizar uma série de testes. Esses testes incidem principalmente sobre três pontos: Usabilidade, Compatibilidade e Segurança.

 

Usabilidade

Os testes de Usabilidade giram em torno da experiência do utilizador, para tal é importante analisar a forma como interagem com a aplicação. Para essa análise vamos recorrer a seis utilizadores tipo, para representar o nosso público-alvo, três dos quais serão artistas novatos, enquanto outros três serão artistas com já alguma experiência.

 

Juntamente com o guião cognitivo iremos ter um dos membros do grupo juntamente com o utilizador para o guiar ao longo do teste, enquanto que as suas interacções serão gravadas através de uma aplicação de captura de ecrã. Adicionalmente iremos usar ou uma câmara para filmar a experiência, ou com a presença de um segundo membro do grupo, mais distante que irá registar erros e outros detalhes em uma tabela de análise.

Caso tudo corra bem, os testes de usabilidade serão executados ao longo da próxima sexta-feira.

 

Compatibilidade

Os testes de compatibilidade têm como objectivo assegurar uma igual experiência de utilização da aplicação em diversos dispositivos. Para tal é necessário testar o funcionamento em diversas combinações de browsers, resoluções e sistemas operativos, registando os resultados numa tabela, descrevendo os problemas e diferenças detectadas. Os problemas encontrados serão depois inseridos na ferramenta de bug tracking para manter um registo e facilitar a sua resolução e priotirizar a sua resolução conforme a gravidade.

 

Segurança

A função dos testes de segurança é assegurar a protecção tanto da aplicação como dos utilizadores, como prevenir spam. Para tal iremos realizar os seguintes testes:

 

- Copiar urls internos sem login para tentar aceder às páginas.

- Alterar parâmetros de url para tentar aceder a perfis e outras áreas exclusivas.

- Colocar valores inválidos nos campos de input e analisar a resposta do sistema.

- Tentar aceder directamente a ficheiros e directórios.

- Testar Captcha, submissões em massa.

- Manter registos de tentativas falhadas.

- Verificar encriptação na base de dados de palavras-chave. Tentar assegurar existência de salt.

 

Os resultados serão então registados e quaisquer problemas detectados, tal como com os testes de compatibilidade, serão inseridos na ferramenta de bug tracking.

 

 

 


Após uma analise ao protótipo de alta fidelidade, elaboramos uma lista dos bugs encontrados. Esta lista foi construída utilizando a ferramenta code.ua, que será utilizada daqui para a frente, não só para bug tracking mas também para controlar o desenvolvimento das funcionalidades ainda por implementar. A página do projecto pode ser consultada aqui. Os bugs são categorizados segundo a sua prioridade e tipo. Achamos ainda importante diferenciar se é um bug do svg-edit ou do Drupal.

 

(ver pdf)

(download pdf)

 

Para a resolução dos bugs do svg-edit relacionados com a interacção com o Drupal (login/registo e gravação de imagens), vão ser usadas várias técnicas de verificação de código em PHP, nomeadamente:
    •    fazer o "dump" para um ficheiro de texto de todas as variáveis passadas ao longo do código;
    •    Criar variáveis de verificação que incrementem no início e no final de cada função;
    •    Retirar o código de redireccionamento para a página do nó criado, de forma a poder examinar, com recurso ao Firebug e outras ferramentas similares, os dados passados por POST;
    •    Comentar selectivamente determinados grupos de código, como forma de chegar mais perto da fonte do problema;

 

Os bugs relacionados com funcionalidades nativas ao svg-edit, como o das layers, vão requerer uma pesquisa a fundo, no código-fonte, das zonas de onde o problema possa originar. Adicionalmente, será pedido apoio à comunidade de desenvolvimento da ferramenta e os fóruns de discussão da mesma pesquisados, na eventualidade de soluções já existirem.

 

Relativamente aos erros do Drupal, utilizando o perfil de administrador, iremos verificar se todas as permissões estão delegadas de acordo com as funcionalidades pretendidas. Nos problemas que não envolvam permissões, iremos na secção de administrar e construir, modificar e ajustar os parâmetros necessários a resolução dos bugs. Para qualquer problema que não tenha uma solução imediata, iremos recorrer a ajuda no site do CMS e a sua comunidade.

Link para a folha de cálculo da listagem de bugs.


Maio 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
21

22
23
24
25
27
28

29
31


arquivos
pesquisar blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO